Disney demite James Gunn da direção de Guardiões da Galáxia vol. 3

A Disney cortou relações com Gunn após alguns usuários do Twitter reviverem mensagens antigas do cineasta que faziam piadas sobre estupro e pedofilia. Após toda essa história, o diretor deletou sua conta no Twitter, mas deixou uma mensagem antes de tudo:

Serei honesto aqui: eu fazia muitas piadas ofensivas. Não as faço mais. Não culpo meu eu passado por isso, mas eu gosto mais de mim como um ser humano completo e como um criador hoje. Amor para todos vocês.

A Marvel Studios ainda não se pronunciou sobre as alterações na produção de Guardiões da Galáxia Vol. 3, que deveria iniciar filmagens no fim do ano. O longa tem previsão de lançamento em 2020.