Resenha – Guardiões da Galáxia #1

Os Guardiões da Galáxia (Guardians of the Galaxy), vieram para ficar. Numa aposta arriscada do Marvel StudiosKevin Feige, presidente do estúdio “ressuscitou” o grupo espacial liderado por Peter Quill (muito bem interpretado pelo ator Chris Pratt) e através da  versão cinematográfica que fez sucesso no mundo todo (confira a resenha do filme aqui);

Aproveitando esse sucesso do filme, a editora Panini resolveu lançar a revista mensal e a aposta foi certeira. Com um bom roteiro de Brian Michael Bendis (Powers, Demolidor) e arte de Nick Bradshaw (Wolverine, Vingadores vs X-Men), a história começa mostrando o gênio e bilionário Tony Stark conversando com Flash Thompson, vulgo Venom e ao mesmo tempo vai apresentando para o leitor cada um dos guardiões e suas qualidades e defeitos;

2_gotg

Ao fim da apresentação, o ex-vilão aceita a proposta de Tony Stark e logo em seguida, vemos os Guardiões todos reunidos e o núcleo da história segue para o espaço; Já no espaço, Peter Quill é acordado pelo guaxinim Rocket Raccoon porque a nave deles está sendo atacada pelo Rei de Spartax e pai de Quill.

Depois podemos ver Gamora sendo perseguida por um mercenário espacial e uma batalha é iniciada e em paralelo a isso, vemos Drax e Venom em Luganenhum, num porto de escala próximo ao fim do universo (é isso mesmo!), comprando armas para poder renovar o arsenal do novo integrante da equipe dos Guardiões, em seguida ocorre uma explosão e Drax é capturado por outro mercenário espacial;

001

Os dois integrantes do grupo são enviados ao Mundo Natal da Irmandade dos Badoons, depois acompanhamos uma conversa entre Peter Quill e o Rei de Spartax (diálogos que provavelmente veremos em Guardiões da Galáxia 2), de pai para filho, sobre o passado (o que inclui a morte da mãe), os motivos para o Senhor das Estrelas ir para o espaço;

E chegamos ao “plot twist” da edição que ficamos sabendo que o Rei de Spartax quer acabar com os Guardiões da Galáxia, os mercenários que capturaram Gamora e Drax foram a mando dele e que Peter Quill se torna um inimigo do império de Spartax, mas o segundo “plot twist” é quando na página seguinte vemos a Capitã Marvel indo ao resgate dos Guardiões!

Ficha Técnica:

Guardiões da Galáxia #1
Editora: Panini
Roteiro: Brian Michael Bendis
Desenhos: Nick Bradshaw
Arte-Final: Scott Hanna

guardians02